San Francisco Shock e Vancouver Titans dominam a Overwatch League

As duas equipes se enfrentaram novamente pelo título do Stage

A Overwatch League chegou ao fim do seu Stage 2 colocando novamente as organizações San Francisco Shock e Vancouver Titans em confronto pelo título da fase. Ao contrário do que aconteceu na disputa anterior entre elas, o time canadense foi derrotado, mas os jogam continuaram bastante equilibrados, assim realçando a excelência técnica do trabalho em conjunto realizado pelos atletas.

As duas equipes se enfrentaram bravamente no último domingo e mostraram porque elas dominam com tanta efetividade a atual temporada da Overwatch League. Com o resultado de 4-2, San Francisco Shock conseguiu completar o Stage sem derrotas, mostrando a evolução que já estava presente quando foram derrotados na final da fase anterior pela Vancouver Titans. Super e Sinatraa são destaques que não param de crescer na função de tanque, consolidando ainda mais o trabalho coletivo que a formação GOATS necessita.

A evolução da San Francisco Shock já era perceptível durante a temporada 2018 da Overwatch League. Entretanto, foi a partir de 2019, com um elenco reformulado e o metagame de GOATS como pilar estratégico do FPS que tudo mudou. O trabalho em equipe parece o caminho mais efetivo para uma organização sem talentos individuais fora do padrão, mas que são excelentes quando funcionam em conjunto. Isso torna a evolução técnica de cada um deles ainda mais evidente. Sinatraa já era respeitado pela sua qualidade de jogo, mas a partir dessa season que ele se tornou tão impressionante. Super, mesmo que ainda cometa erros bobos raramente, é um Reinhardt bastante consistente – talvez abaixo apenas de Bumper e Fusions atualmente.

Mesmo com a queda dos Titans para o San Francisco Shock, a organização canadense ainda é uma das favoritas tanto para o próximo Stage quanto para o título da temporada. Provavelmente, não há elenco melhor para o atual metagame do jogo que o de Vancouver, principalmente pela qualidade notória de Bumper, SeoMinSoo, Slime e Haksal. Para um time novato na OWL pode parecer uma surpresa gigantesca aos desavisados que eles sejam tão bons, mas a experiência de jogadores e coaches têm mostrado como eles entraram na competição para fazer bonito.

Foto de título do Stage 2 da San Francisco Shock

San Francisco Shock e Vancouver Titans têm alcançado o desempenho tão cobiçado por todas as equipes por serem extremamente consistentes com a formação GOATS. Mesmo que seja necessário fazer adaptações para determinadas situações, como uma troca rápida de personagem, esta estratégia ainda é a superior no metagame atual e deve se manter assim caso nada mude rapidamente em futuros patches. Para o grande público, pode ser um problema, já que a formação triple-triple não é muito bem quista.

A Overwatch League se mantém atrativa e competitiva dentro de um metagame baseado em GOATS, mas dificilmente algo mude nas próximas finais de Stage se San Francisco Shock e Vancouver Titans continuarem com esse desempenho espetacular. Ambas as equipes dominam os adversários e chegam aos playoffs com ainda mais qualidade de jogo para garantir presença na disputa pelo título. Se um novo patch não modificar os heróis que dão base ao triple-triple, as outras organizações precisam aprender rapidamente como funcionar em conjunto, caso contrário a predominância continuaria em apenas dois times.

Durante pesquisa e produção de textos, é encontrado com a alcunha de Lazyguga em partidas de Overwatch, Clash Royale e MTG Arena ou conquistando ginásios no Pokémon GO.