Conheça os vencedores das competições do EVO 2018

E aí, quem se deu melhor nas competições realizadas este ano?

O EVO 2018 aconteceu no último fim de semana, fazendo com que diversos olhares se voltassem para os Estados Unidos, onde rolaram todas as competições nos games de luta mais importantes da atualidade. Com tantas coisas para acompanhar talvez alguns tenham perdido esses confrontos, por isso trazemos uma lista com todos os vencedores.

Na sequência você vê quais foram os três primeiros colocados em cada um dos games, bem como o nome de suas equipes entre parênteses. Sem mais delongas, saiba quais foram os ganhadores dos troféus de ouro, prata e bronze da competição:

Dragon Ball FighterZ

  • 1º – SonicFox (Echo Fox)
  • 2º – GO1 (CAG)
  • 3º – Fenritti (CAG)

Street Fighter V: Arcade Edition

  • 1º – Problem-X (Mousesports)
  • 2º – Tokido (Echo Fox)
  • 3º – Fuudo (CYG BST)

Tekken 7

  • 1º – LowHigh (Fursan)
  • 2º – qudans (UYU)
  • 3º – Lil Majin (ITS)

Super Smash Bros. for Wii U

  • 1º – Lima
  • 2º – CaptainZack
  • 3º – Nietono (DNG)

Super Smash Bros. Melee

  • 1º – Leffen (TSM)
  • 2º – Armada (A)
  • 3º – Plup (PG)

BlazBlue: Cross Tag Battle

  • 1º – heiho
  • 2º – Game96
  • 3º – DORA_BANG

Guilty Gear Xrd REV2

  • 1º – OMITO
  • 2º – Machabo (SURUGAYA)
  • 3º – Lost Soul

Injustice 2

  • 1º – Rewind (Noble)
  • 2º – Tweedy (Noble)
  • 3º – SonicFox (Echo Fox)

E os brasileiros?

Quem está por dentro das notícias certamente deve saber que havia brasileiros nessas competições, mas infelizmente eles não se saíram muito bem em suas modalidades de especialização. Thomas “Brolynho” Proença, por exemplo, ficou em 65º lugar em Street Fighter V: Arcade Edition, enquanto Bruno “Killer Xinok” de Souza ocupou a 17ª colocação nas competições de Injustice 2.

E você, conseguiu ver as partidas da EVO 2018 em tempo real? O que achou das disputas deste ano? Deixe a sua opinião no espaço mais abaixo destinado aos comentários, e não esqueça de mencionar quais jogos gostaria de ver ganhando espaço na edição do próximo ano da competição.

Jornalista com mais de 10 anos de experiência na indústria de jogos, com passagem por grandes portais como UOL Jogos e TecMundo Games. Gosta de acompanhar partidas de jogos online e se aventurar em games mobile, não necessariamente nessa mesma ordem.